Presidentes da ANEL

 

anellogo

ANEL - Associação Nacional dasEmpresas de Lavanderia

Rua Pais de Araújo 29, CJ 112/113
Cep: 04531-090 - Itaim Bibi / São Paulo-SP

Telefax: (11) 3078-8466

E-mail: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

Presidentes da ANEL 
 
1. JERONYMO THOMÉ DA SILVA – IN MEMORIAN
2. JOSÉ FRANCISCO CAVALLINI IN MEMORIAN
3. RENÉ LOTFI JR – IN MEMORIAN
4. FERMIN AMIL MONTERO FILHO IN MEMORIAN
5. OMAR ZEIN
6. LUIZ ALBERTO NUNES CABRAL
7. OTHON BARCELLOS CORREA SOBRINHO
8. ARMANDO MACHADO BORGES FILHO
9. ANTONIO CARLOS BELÉM DE MENDONÇA
10. PAULO CÉSAR DANTAS FERNANDES
11. PAOLA TUCUNDUVA


O primeiro presidente da ANEL foi Jeronymo Thomé da Silva, da Cia Paranaense de Lavanderias,
em Curitiba, Paraná, do segmento doméstico. Foi fundador da ANEL.
Desempenhou papel importante na fundação da entidade, percorrendo todos os Estados da Federação
para conseguir adesão das principais lavanderias do país. Voltou a ser presidente em várias outras
ocasiões, sempre interessado em manter a associação viva e atuante. Todos abaixo são falecidos.

Thomé ( ao centro), com Fermin (a esquerda) e Rene (a direita)

anelpresidente0
 

O segundo presidente foi José Francisco Cavallini, da Eureka Lavanderia, de Belo Horizonte,
do segmento doméstico. Também fundador da entidade, Cavallini se caracterizava pelo seu
estilo arrojado e empreendedor. Promoveu novos cursos e reorganizou a parte administrativa da entidade.

Othon Barcellos Corrêa Sobrinho, da Rotovic e Vip Lavanderia, de São Paulo, dos segmentos doméstico e
industrial, foi presidente da ANEL por duas vezes. Organizado e empreendedor, foi o grande incentivador
para a publicação do Informativo ANEL e, mais tarde, da revista Lavanderia&Cia. Esteve sempre presente
na trajetória da Associação, exercendo diversos cargos ao longo destes 30 anos.

René Lotfi Júnior, da Lavanderia Cysne, de São Paulo, dos segmentos doméstico e industrial,
deu grande contribuição à divulgação de conhecimentos para as lavanderias de jeans.
René também exerceu diversos cargos na entidade, como Diretor Administrativo e Presidente do Conselho Deliberativo.

Fermin Amil Montero Filho, da Lavanderia da Paz, em São Paulo, do segmento industrial,
sempre atuante desde a fundação e tendo exercido por diversas vezes o cargo de Diretor Técnico,
com grande entusiasmo, também foi presidente da ANEL. Por sua determinação e empenho, foi comprada
a primeira sede da entidade, no bairro do Morumbi, em São Paulo. Fermin foi pioneiro em tratamento
de efluentes em São Paulo e sempre transmitiu às lavanderias a necessidade de reaproveitamento de água.
Foi o pai do projeto Túnel no Brasil e Realizou a feira Lavexpo.

Omar Zein, da Lavanderia Antares, de São Paulo, especializada em jeans, em sua gestão como presidente,
realizou a feira Interlav, de fornecedores de lavanderia.
 Além disso, através de convênio com Sebrae e Senai, desenvolveu um modelo padrão de tratamento de efluentes
líquidos para lavanderias industriais.( o de óculos e barba) 

 

 Luiz Cabral, da Lavanderia Plus, de São Paulo, do segmento de jeans, já como vice-presidente ajudou na solução
da liberação do uso do GLP em lavanderias, participou de viagens internacionais, acompanhando associados,
e se destacou no desenvolvimento das lavanderias que têm como clientes as confecções.

Armando Machado, da Alsco Toalheiro Brasil, multinacional do segmento industrial, defendeu o uso de
percloroetileno em lavanderias, alavancou mudanças nos cursos técnicos e no aperfeiçoamento na
revista Lavanderia&Cia. Deu força para a realização da Expolav, feira de fornecedores do ramo,
organizada pela Alcântara Machado.( ao centro com gravata)
anelpresidente1

Antonio Carlos Belém de Mendonça, da Lavamatic e Lavatec, do Maranhão, dos segmentos doméstico e industrial,
realizou mudanças administrativas, promoveu a reforma dos Estatutos Sociais da ANEL, tornando as eleições
mais democráticas, criou o Lavíndice, e diversificou os produtos da Associação.( ao centro de óculos)
anelpresidente2 

Paulo César Dantas Fernandes, das Splash Lavanderia, do Rio Grande do Norte,deu ênfase à comunicação para que
os associados fiquem a par de todos os serviços oferecidos pela ANEL e deles se beneficiem.
Criou novas seções na revista Lavanderia&Cia, novos cursos e o Clube de Parcerias, entre outros produtos.

 Paola Tucunduva, da Rotovic Lavanderia, em São Paulo, atualmente em exercício 2010/2012

 

A Associação Nacional das Empresas de Lavanderia foi criada em 1977,
 por um grupo de 54 empresários de todo o Brasil com o objetivo de
representar e fortalecer a classe, fomentar o desenvolvimento técnico e a troca de experiências.

Hoje, seus associados continuam com este mesmo objetivo: a construção de uma aliança,
em círculo de relações e parcerias para um crescimento comum.

 Relação dos Diretores 

Cargo 

Nome 

Empresa - UF 

Presidente

Paola Borges Barcellos Tucunduva

Rotovic – SP

Vice - Presidente

Ananias Magalhães Neto

Prontlav – CE

Adm/Financeiro

Rui Sérgio Torres

Lavasecco – SP

Ciência e Tecnologia

Marie Arimura

Atmosfera – SP

Doméstico

Edson Rogério Gonçalves

Evolution – SP

Industrial

Edson di Nardi

Magnus – SP

Jeans

Marco Aurélio Britto

GB – ES

Hospitalar

Attilio Augusto Almeida Regis de Moura

Lavatec – PE

.

 

 

 

 

 

 

  

 

 

 

 

Maria Ramos (coordenadora técnica a esquerda) e Paola Tucunduva (Presidente a direita)